Amplus One Carménère - 2009

 

Tudo começou em 1917, quando Pedro Pavone Voglino deixou sua terra natal, no Piemonte, na Itália para construir uma vinícola em território do Novo Mundo. O visionário produtor decidiu aportar no Chile, especificamente no Valle del Maipo, terra de paisagens encantadoras e de características particulares para a produção de vinhos. A produtora Santa Ema nasceu apenas em 1956, a partir da parceria entre Pedro e seu filho Félix Pavone. Hoje, possui vinhas em quatro diferentes regiões no Chile: Maipo, Cachapoal, Casablanca e Leyda. Assinam os seguintes rótulos: Santa Ema (Selected Terroir, Barrel Reserve e Reserva), Amplus, Catalina e Rivalta.

 

A linha Amplus, desenvolvida pela vinícola chilena Santa Ema é dedicada apenas aos melhores vinhos produzidos pela casa. São vinhos com características mais modernas, de grande complexidade, e ao mesmo tempo, muito elegantes, que representam todo o potencial dos terroirs do Valle de Leyda Cachapoal. Na tradução do latim, Amplus significa importante, sofisticado, distinto e honorável. 

É certamente o ponto alto desta bodega, que une as tradições herdadas ao longo de gerações e a inovação. Não por menos, selecionamos o Amplus Carménère, um dos melhores rótulos da Santa Ema, produzido com uma das principais uvas chilenas.

O Amplus Carménère é um vinho muito interessante, apresenta um grande equilíbrio entre a potência e a elegância: seus 12 meses de estágio em barricas de carvalho francês lhe conferem ainda mais complexidade. Produzido com 100% de uvas Carménère, tem uma boa estrutura e sabor marcante, final volumoso, maduro e sedutor, com toda a tipicidade das uvas cultivadas no Valle del Cachapoal.

Depois de anos de colheita "fora de época" da Carmenere no Chile, este vinho mostra que podemos estar próximos da melhor vinificação dessa uva. No caso da Santa Ema, uvas colhidas em encostas e de vinhas antigas dão aos taninos uma doçura e uma acidez que torna o vinho muito bom para qualquer um que goste da casta.

Nesta semana passada (final de agosto de 2014) ganhei de presente uma garrafa do meu amigo chileno Sergio Olate. Provamos o vinho acompanhado por costelinhas suínas temperadas somente com sal e grelhadas na brasa. Foi fantástico!

 

Uva: Carménère

Safra: 2009

Produtor: Santa Ema

País: Chile

Região: Valle del Cachapoal

Teor alcoólico: 14%

Temperatura de serviço: 15° a 18°C

Amadurecimento: 12 meses em barricas de carvalho francês.

Potencial de guarda: 10 anos

Visual: Coloração vermelho rubi intenso, com reflexos violáceos. Límpido e vivido.

Nariz: Aroma balsamico, que faz com que as narinas se tornem mais sensíveis. Frutas vermelhas maduras e pimentão. Bastante complexo

Boca: Vinho estruturado, poderoso, com bom corpo, com taninos suaves e intensos que lhe dão um final volumoso e sedutor. Termina muito bem e com ótima persistência

Harmonizações: Assados de carne de porco, frango e peru, queijos defumados, massas com molhos codimentados e até uma dobradinha de feijão branco.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!