Enólogos avaliam melhores vinhos brasileiros em Bento Gonçalves, RS

 

Do total de 290 vinhos inscritos, 16 amostras foram pré-selecionadas.
Vinhos brancos e tintos foram avaliados, às cegas, por especialistas.

 

 

 

A qualidade dos melhores vinhos da última safra brasileira foi julgada neste sábado (27), em Bento Gonçalves, na Serra do Rio Grande do Sul. Essa é a 22ª avaliação nacional da bebida. Dos 290 inscritos, 16 foram pré-selecionados por um grupo de enólogos, como mostra a reportagem do RBS Notícias.

 

A lista contém os que melhor representaram a última safra, levando em conta critérios como aspecto visual, aroma e sabor (confira os nomes abaixo). “São vinhos genuinamente brasileiros. Que não tentam transparecer uma imagem de outros países”, aponta Luciano Vian, presidente da Associação Brasileira de Enologia (ABE).

saiba mais

           

Vinhos brancos e tintos foram avaliados, às cegas, por especialistas da Europa, do Uruguai e da Argentina. Também participaram o ator Selton Mello, e o narrador Galvão Bueno, que também é empresário do setor.

“Eu vejo na vitivinicultura brasileira um futuro gigantesco pela frente. A qualidade é inquestionável. Hoje temos vinhos brasileiros bem colocados no mercado internacional”, apontou Galvão.

 

O público foi formado por empresários, enólogos, jornalistas e apreciadores da bebida. “Para a gente avaliar o que foi colhido, acho que essa é uma das melhores oportunidades para fazer isso", disse a sommelier Silvana Goular Dallagnol.

As notas do público serão levadas em conta para que a Associação Brasileira de Enologia saiba quais são as impressões dos consumidores sobre o vinho brasileiro. O Rio Grande do Sul é responsável por 90% da produção nacional de vinhos.

 

Confira a lista dos 16 vinhos

Categoria vinho base para espumante

 

1 - Domno do Brasil - vinho base espumante (Chardonnay): na coloração é límpido, brilhante, de intensidade média e tonalidade amarelo palha/esverdeado. Nariz de boa intensidade, elegante, limpo/nítido e fino. Notas de cítrico, abacaxi, floral, maçã verde e flores brancas. Paladar de acidez presente/marcante, de bom volume, equilibrado, fresco, agradável e de retrogosto persistente.

 

2 - Chandon do Brasil - vinho base espumante (Chardonnay/Pinot Noir/Riesling Itálico): exame visual, límpido, brilhante/cristalino, de intensidade média, tonalidade amarelo esverdeado. Aroma elegante, com notas de cítrico, lima, abacaxi, maçã verde, frutas brancas e pêssego. No paladar é fino, tem acidez excelente, marcante e equilibrada, é fresco, com corpo médio e notas de cítrico. A persistência é média.

 

3 - Vinícola Geisse - vinho base espumante (Chardonnay/Pinot Noir): aspecto límpido, brilhante, de tonalidade amarelo palha com reflexos de cor cobre. Nariz com boa intensidade, fino e elegante. É frutado, cítrico, com notas de frutas brancas, flores brancas e maçã verde. O sabor é limpo/nítido, com acidez marcante e equilibrada, bom corpo, bom volume e boa estrutura. É equilibrado, com notas de mineral e cítrico. Apresenta uma boa persistência.

Categoria branco fino seco não aromático

 

4 - Vinícola Salton - Riesling itálico: aspecto límpido, brilhante, de baixa intensidade, tonalidade amarelo claro/esverdeado. No olfato tem uma média intensidade, limpo, com notas de frutado, cítrico, pera, abacaxi, maçã verde, floral, flores brancas e frutas brancas. O paladar tem uma baixa acidez, equilibrada, com bom volume de boca e estrutura. É leve, agradável, elegante e macio. Aparecem notas de maçã verde e cítrico. A persistência é média.


 

5 - Vinícola Fazenda Santa Rita - Chardonnay: aspecto límpido, brilhante, de média intensidade, tonalidade amarelo claro/esverdeado. Olfato de média intensidade, nítido, elegante, fino e complexo. Aparecem descritores como mel, levedura, abacaxi, notas de cítrico, frutas brancas, pêssego, maçã e aromas “doces”. No sabor, o ataque é doce, de acidez equilibrada/baixa, com boa estrutura. É intenso, equilibrado, de bom volume e corpo; fresco, agradável e harmonioso. Surgem notas de madeira, abacaxi e frutado. O retrogosto é persistente.

 

6 - Vinícola Góes & Venturini Ltda - Chardonnay: o visual é límpido, brilhante, de média intensidade, amarelo palha, com reflexos esverdeados. No exame olfativo tem uma média/alta intensidade, é fino, complexo e elegante. Notas de madeira, baunilha, mel, abacaxi maduro, cítrico, melão, maçã, floral, pera e damasco. O paladar tem certa doçura, com acidez baixa, equilibrada. Tem uma boa estrutura, bom volume e bom corpo. É elegante, agradável e harmonioso. Repete no sabor as notas de madeira, com sutil amargor e boa persistência.

 

7 - Cooperativa Vinícola Nova Aliança Ltda - Chardonnay: o aspecto é límpido, brilhante, de intensidade média. Tonalidade amarelo claro e esverdeado. O olfato é intenso e limpo, com notas de baunilha, mel, madeira, coco, frutado, cítrico, frutas brancas, frutas maduras, butiá, banana e compota de abacaxi. Sabor intenso, com ataque doce, de acidez equilibrada, bom corpo e bom volume. É equilibrado, elegante, agradável, harmonioso e fino. Tem no paladar notas de madeira, baunilha, coco e pera. É untuoso e persistente.

 

Categoria branco fino seco aromatico.

 

8 - Vinícola Giacomin - Moscato giallo: aspecto límpido, brilhante, de intensidade média, amarelo claro/esverdeado. No olfato tem uma intensidade média, é agradável, com notas de floral, jasmim, batata doce, rosas, mel, moscatel, maracujá, flor de laranjeira, mamão papaia e ervas-de-quintal. No sabor, tem certa doçura, é intenso, com acidez média/baixa, corpo médio, boa estrutura, equilibrado, estruturado, fresco, agradável, com notas de batata doce, moscatel, cítrico e mel. Apresenta boa persistência.

 

Categoria tinto fino seco jovem.

 

9 - Giacomin Ind. De Bebidas - Vinhos Hortência - Cabernet sauvignon: vinho de aspecto límpido, brilhante, vermelho rubi/violáceo. No olfato é intenso e agradável. Tem notas de frutado, frutas vermelhas, amora, cereja, ameixa, framboesa e especiarias, baunilha e defumado. O sabor tem um toque doce, com acidez equilibrada. É harmonioso, aveludado, com taninos macios e leves, agradável. Tem um corpo médio e um bom volume. Sabor com notas de tostado e frutas vermelhas. A persistência é média.

 

Categoria tinto fino seco.

 

10 - Vinícola Góes - Cabernet franc: vinho límpido, brilhante, de cor intensa, rubi intenso com reflexos violáceos. Boa viscosidade e lágrimas pigmentadas. No nariz tem uma intensidade média, é limpo, com notas de frutas vermelhas, amora, pimentão, especiarias, madeira, baunilha, cravo-da-índia, tabaco, pimenta preta, café e chocolate. O sabor tem certa doçura, com acidez marcante, volume e estrutura média, corpo médio e equilibrado. Os taninos são leves. Tem, ainda, notas de madeira, chocolate e couro. É persistente.


 

11 - Vinícola Perini - Merlot: vinho de aspecto límpido, brilhante, de coloração intensa e escura, tonalidade vermelho violáceo. No olfato tem uma intensidade média, é limpo e fino, apresenta notas de especiarias, cassis, amêndoas, uvas passas, frutas vermelhas (cereja, framboesa), amora, ameixa preta, frutas pretas, violetas, menta e sutil vegetal e pimentão. No paladar é harmonioso, apresenta uma acidez equilibrada, corpo e volume médio, equilibrado, agradável e elegante. Os taninos são macios e maduros. Expressa em boca notas de cassis. Persistência média.


 

12 - Vinícola Casa Valduga - Merlot: aspecto límpido, intenso, vermelho rubi/violáceo. No nariz tem uma intensidade média, é vinoso, com notas de especiarias, tostado, pimenta, cassis, framboesa, mirtilo, frutas maduras (ameixa, amora) e pimenta preta. Paladar intenso, de acidez equilibrada, de corpo médio, boa estrutura e bom volume. É equilibrado, com taninos marcantes. Apresenta uma média persistência.


 

13 - Cooperativa Vinícola Aurora - Cabernet sauvignon: vinho límpido, intenso, rubi com reflexos violáceos. No olfato é elegante, intenso, com notas de amora, frutas vermelhas, cassis, menta, eucalipto, baunilha, café, pimenta preta, tabaco e cacau. O sabor é intenso, apresenta uma acidez baixa, com corpo médio, bom volume e estrutura. É agradável e harmonioso, com taninos de boa qualidade. Tem notas de defumado, madeira, baunilha e café. É persistente no paladar.


 

14 - Vinícola Don Guerino - Ancellotta: o aspecto é límpido, intenso e violáceo. O olfato é intenso, com notas de framboesa, violetas, ameixa, amora, cassis, sutil vegetal, especiarias, tabaco, pimenta, amêndoas, tostado, menta e cânfora. O sabor guarda certa doçura, a acidez é boa, com bom corpo, volume e estrutura. É intenso, equilibrado, com sutil adstringência. Tem notas de chocolate, café e especiarias. É potente e persistente.


 

15 - Vinícola Monte Rosário - Vinhos Rotava - Ancellotta: no exame visual é límpido, brilhante, intenso. A tonalidade é violácea intensa, com lágrimas pigmentadas. É atraente e de boa viscosidade. No nariz tem uma intensidade média, com notas de especiarias, café, pimenta preta, baunilha, tabaco, couro, cassis, frutas vermelhas, frutas pretas (ameixa, amora). É vinoso, com sutil nota de alecrim. No paladar tem uma acidez presente, um corpo médio, de bom volume e estrutura. É equilibrado, intenso, com taninos de boa qualidade. Tem sabor com notas de especiarias. Apresenta boa persistência e bom potencial de guarda.


 

16 - Estabelecimento Vinícola Valmarino - Tannat: aspecto límpido, intenso, de tonalidade violácea intensa. Lágrimas pigmentadas. Aroma intenso, com notas de frutas vermelhas maduras, amora, cassis e de especiarias, baunilha, madeira, tostado, café, tabaco e couro. O sabor é intenso, com ataque doce e acidez equilibrada. Apresenta um bom volume, bom corpo e estrutura. Os taninos são maduros e revelam potencial de guarda. Tem notas de especiarias, madeira e chocolate. Tem sabor persistente.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!