Luca Pinot Noir

 

Um dos melhores Pinot Noir da América do Sul, possui uma característica "terrosa" pouco comum nos vinhos do Novo Mundo. Refinado e envolvente, de minúscula produção. Recebeu 93 pontos de Robert Parker na safra de 2009, a nota mais alta concedida pelo crítico a um Pinot Noir argentino!

 

A garrafa é imponente, robusta, pesada, elegante. E o conteúdo é seguramente um dos grandes Pinot’s do novo mundo, que ano após ano vem recebendo ótimas avaliações de enólotras, enólogos, enorankings, enopublicações, enochatos e afins.

 

A uva Pinot Noir é uma variedade reconhecida pelos bons vinhos de sua região de origem e por sua qualidade como vinho base para a elaboração de champagne e de espumante. Ainda pouco cultivada no Brasil, tem o fruto ovalado com casca ligeiramente grossa. É uma uva difícil de cultivar e vinificar e pode gerar tanto tintos inexpressivos como muito complexos. Seu vinho é potente, fino, complexo, com aroma característico e de pouca intensidade de cor.

 

 

Uva: Pinot Noir

Safra: 2009

Produtor: Luca (Laura Catena)

País: Argentina

Região: Mendoza

Teor Alcoólico: 14%

Temperatura de Serviço: 15º a 18º

Vinhedos: Uvas de altos vinhedos da comuna de Tupungato, na província de Mendoza.

Vinificação: Fermentação tradicional com controle de temperatura.

Amadurecimento: Envehecido 12 meses em barricas de carvalho francês sendo 60% de barricas novas.

Sugestão de Guarda: de 5 a 10 anos

Visual: Apresenta uma coloração granada intensa, menos transparente

Nariz: Um pinot complexo, com notas de couro, especiarias, cereja, framboesa, morangos silvestres, framboesas, groseha e baunilha. Toques delicados de violeta e tomilho.

Boca: Bem macio e equilibrado, boa presença de taninos, com um final de boca duradouro residual adocicado

Harmonizações: Pato, carne de caça, costeletas de cordeiro, salmão grelhado massas


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!